Escuta activa

Veja também: Tipos de escuta

A escuta ativa é uma habilidade que pode ser adquirida e desenvolvida com a prática. No entanto, a escuta ativa pode ser difícil de dominar e, portanto, levará tempo e paciência desenvolver.

' Escuta activa 'significa, como o próprio nome sugere, ouvir ativamente. Isso é concentrar-se totalmente no que está sendo dito, em vez de apenas 'ouvir' passivamente a mensagem do orador.

A escuta ativa envolve ouvir com todos os sentidos. Além de dar total atenção ao falante, é importante que o 'ouvinte ativo' também seja 'visto' como ouvinte - caso contrário, o falante pode concluir que o que está falando não é interessante para o ouvinte.



O interesse pode ser transmitido ao palestrante usando mensagens verbais e não verbais, como manter contato visual, balançar a cabeça e sorrir, concordar dizendo 'Sim' ou simplesmente 'Mmm hmm' para incentivá-los a continuar. Ao fornecer este 'feedback', a pessoa que fala normalmente se sentirá mais à vontade e, portanto, se comunicará com mais facilidade, abertura e honestidade.

Ouvir é o componente mais fundamental das habilidades de comunicação interpessoal.

Ouvir não é algo que simplesmente acontece (ou seja, ouvir), ouvir é um processo ativo no qual uma decisão consciente é feita para ouvir e compreender as mensagens do falante.

Os ouvintes devem permanecer neutros e não fazer julgamentos, isso significa tentar não tomar partido ou formar opiniões, especialmente no início da conversa. A escuta ativa também envolve paciência - pausas e curtos períodos de silêncio devem ser aceitos.

Os ouvintes não devem ser tentados a fazer perguntas ou comentários sempre que houver alguns segundos de silêncio. A escuta ativa envolve dar à outra pessoa tempo para explorar seus pensamentos e sentimentos, portanto, ela deve ter tempo adequado para isso.

como construir frases em ingles

Ouvir ativamente não significa apenas focar totalmente no falante, mas também mostrar ativamente sinais verbais e não verbais de escuta.

Geralmente os oradores querem que os ouvintes demonstrem ‘ escuta activa 'Respondendo apropriadamente ao que eles estão dizendo. As respostas adequadas para ouvir podem ser verbais e não verbais, exemplos dos quais estão listados abaixo:


Sinais de escuta ativa

Sinais não verbais de escuta atenta ou ativa

Esta é uma lista genérica de sinais não-verbais de escuta. Em outras palavras, as pessoas que estão ouvindo têm maior probabilidade de exibir pelo menos alguns desses sinais. No entanto, esses sinais podem não ser apropriados em todas as situações e em todas as culturas.

Sorrir

Pequenos sorrisos podem ser usados ​​para mostrar que o ouvinte está prestando atenção ao que está sendo dito ou como forma de concordar ou ficar feliz com as mensagens recebidas. Combinado com acenos de cabeça, os sorrisos podem ser poderosos para afirmar que as mensagens estão sendo ouvidas e compreendidas.

Contato visual

É normal e geralmente encorajador que o ouvinte olhe para o locutor. O contato visual, entretanto, pode ser intimidante, especialmente para oradores mais tímidos - avalie o quanto o contato visual é apropriado para qualquer situação. Combine o contato visual com sorrisos e outras mensagens não-verbais para encorajar o palestrante.

Postura

A postura pode dizer muito sobre o emissor e o receptor nas interações interpessoais. O ouvinte atento tende a inclinar-se ligeiramente para a frente ou para os lados enquanto está sentado. Outros sinais de escuta ativa podem incluir uma leve inclinação da cabeça ou apoiá-la em uma das mãos.

Espelhamento

O reflexo / espelhamento automático de quaisquer expressões faciais usadas pelo locutor pode ser um sinal de escuta atenta. Essas expressões reflexivas podem ajudar a mostrar simpatia e empatia em situações mais emocionais. Tentar imitar conscientemente as expressões faciais (ou seja, não o reflexo automático das expressões) pode ser um sinal de desatenção.

Distração

O ouvinte ativo não se distrairá e, portanto, evitará ficar inquieto, olhar para um relógio ou relógio, rabiscar, brincar com o cabelo ou mexer nas unhas.

Veja nossas páginas: Comunicação não verbal , Linguagem corporal e Aparência pessoal Para maiores informações.

Esteja ciente que:


É perfeitamente possível aprender e imitar sinais não-verbais de escuta ativa e não estar realmente ouvindo.

Qual dos seguintes tipos de perguntas permitem a resposta mais detalhada?

É mais difícil imitar os sinais verbais de escuta e compreensão.


Sinais verbais de escuta atenta ou ativa

Reforço positivo

Embora seja um forte sinal de atenção, deve-se ter cuidado ao usar reforço verbal positivo.

Embora algumas palavras positivas de encorajamento possam ser benéficas para o orador, o ouvinte deve usá-las com moderação, para não se distrair do que está sendo dito ou colocar ênfase desnecessária em partes da mensagem.

Uso casual e frequente de palavras e frases, como: ‘ muito bom ’,‘ sim ' ou ' na verdade 'Pode se tornar irritante para o orador. Geralmente é melhor elaborar e explicar por que você está concordando com um determinado ponto.

Lembrando

A mente humana é notoriamente ruim em lembrar detalhes, especialmente por qualquer período de tempo.

No entanto, lembrar alguns pontos-chave, ou mesmo o nome do orador, pode ajudar a reforçar que as mensagens enviadas foram recebidas e compreendidas - ou seja, a escuta foi bem-sucedida. Lembrar de detalhes, ideias e conceitos de conversas anteriores prova que a atenção foi mantida e é provável que incentive o palestrante a continuar. Durante trocas mais longas, pode ser apropriado fazer anotações muito breves para atuar como um impulso de memória ao questionar ou esclarecer mais tarde.

Veja nossa página: Tomando notas .

Questionando

O ouvinte pode demonstrar que prestou atenção fazendo perguntas relevantes e / ou fazendo afirmações que constroem ou ajudam a esclarecer o que o falante disse. Ao fazer perguntas relevantes, o ouvinte também ajuda a reforçar que tem interesse no que o falante está dizendo.

Veja nossas páginas: Questionando e Tipos de pergunta Para maiores informações.

Reflexão

Refletir é repetir de perto ou parafrasear o que o falante disse para mostrar compreensão. A reflexão é uma habilidade poderosa que pode reforçar a mensagem do palestrante e demonstrar compreensão.

Veja nossa página: Reflexão .

Esclarecimento

O esclarecimento envolve fazer perguntas ao palestrante para garantir que a mensagem correta foi recebida. O esclarecimento geralmente envolve o uso de perguntas abertas que permitem ao palestrante expandir certos pontos conforme necessário.

Veja nossa página em Esclarecimento .

Sumarização

Repetir um resumo do que foi dito ao falante é uma técnica usada pelo ouvinte para repetir o que foi dito em suas próprias palavras. Resumir envolve pegar os pontos principais da mensagem recebida e reiterá-los de forma lógica e clara, dando ao falante a chance de corrigir, se necessário.

Mais sobre como ouvir:
Habilidades auditivas | Os 10 princípios de escuta
Tipos de escuta | Escuta Ineficaz